Produção editorial: etapas de produção de um livro

tempo de leitura: 4 minutos

Produção-editorial-etapas-de-produção-de-um livro

Você já pensou em publicar seus textos e transformá-los em verdadeiros livros? Se você já passou pela experiência de produzir uma monografia, uma pesquisa científica, uma tese ou outro tipo de texto semelhante, saiba que o seu portfólio profissional pode ser ainda mais valorizado e enriquecido ao transformar seu trabalho em um livro.

Ao publicar seus artigos em um livro, você ganha destaque profissional, além de conquistar certo prestígio, seja qual for sua área de atuação. Sendo assim, é de suma importância conhecer e compreender o processo básico de produção de um livro. E é disso que trataremos neste post.

Produção editorial: o livro impresso

Antes de entrarmos nas etapas de produção editorial, vamos falar um pouco sobre o livro impresso. Conheça os formatos padrão para livros impressos:

  • 14×21 — formato mais econômico, melhor aproveitamento do papel;
  • 16×23 — indicado para livros com maior quantidade de páginas;
  • 21×28 — formato para revistas;
  • Livro de bolso — indicado para publicações mais econômicas.
Ainda em se tratando de livros impressos, é preciso conhecer também os principais tipos de acabamentos. São eles:
  • Brochura — formato mais comum, com a lombada quadrada;
  • Grampo — acabamento estilo revista, ideal para publicações com poucas páginas;
  • Capa dura — livros de arte, comemorativos, acabamento nobre.

Além de saber reconhecer e escolher o formato ideal para seu livro, bem como seu acabamento, também é preciso ter em mente o tipo do papel e entender os tipos de impressão pela qual o livro será produzido.

Quanto à questão do tipo de papel, destacam-se os seguintes:
  • Offset — papel branco, mais econômico e mais usado no mercado;
  • Pólen — papel nobre, de cor amarelada e maior gramatura, oferece maior conforto para o leitor;
  • Reciclado — mais ecológico, sustentável.

Quanto à questão da impressão, existem as opções de impressão digital e impressão offset, que estão relacionadas à tiragem da edição. Basicamente, para pequenas tiragens, geralmente se usa a impressão digital — o custo-benefício, o preço por unidade, fica mais em conta — e, para tiragens maiores (a partir de 1.000 unidades, por exemplo), começa a ficar mais interessante, em relação ao custo-benefício, a impressão offset.

Portanto, a escolha entre esses dois tipos de impressão se baseia no número de tiragem, e não dizem respeito à qualidade de impressão. As duas opções possuem características diferentes, mas não são, comparativamente, inferiores ou superiores uma a outra.

Os primeiros registros:

Quando falamos de produção de textos, é natural pensarmos em proteger nossos direitos de autoria sobre o texto em questão. Por isso, é importante saber os veículos pertinentes à garantia dos seus direitos quanto autor. Pesquise:

  • Registro de Direitos Autorais, através do Escritório de Direitos Autorais — EAD: garante os direitos autorais de uma obra intelectual.
  • Cadastro e Registro no Escritório do ISBN: o ISBN é um número único referente a um título específico. É como se fosse o número de identidade do livro.

As primeiras etapas da produção editorial de um livro:

Depois de conhecer o básico da composição do livro físico, chegou o momento de compreender as principais etapas da produção editorial.

Em primeiro lugar, você precisa ter a ideia da linha editorial de sua obra muito bem formada em sua mente, precisa saber quem é o seu público-alvo, os leitores de seu livro, saber como você irá apresentar o seu projeto e quais os seus objetivos com esse livro.

Tendo tudo isso em mente, fica mais fácil entender a produção do livro. Dessa forma, em um processo editorial eficiente, seja por uma editora ou em uma autopublicação, são fundamentais as seguintes etapas:

  • Preparação de texto: é a primeira etapa de revisão do texto;
  • Diagramação: é a organização do texto do livro de acordo com o formato e projeto gráfico planejado;
  • Revisão de prova: é a segunda revisão, desta vez depois do texto diagramado, para conferir se não houve nenhum erro após a etapa de diagramação, se não faltou nenhuma parte do texto, se não houve erros de espaçamento, ou até mesmo se restou alguns erros ortográficos e gramaticais depois da primeira revisão;
  • Design de capa: é a produção da capa completa do seu livro: capa, contracapa, lombada e orelhas;
  • Impressão de prova: antes de imprimir todas as unidades do livro, é bom imprimir uma prova para a capa e para o miolo, para conferir se está tudo certo e evitar erros em todas as unidades da tiragem planejada;
  • Impressão e acabamentos finais dos livros: é aqui que os livros se transformam em um produto físico completo e final, pronto para ser distribuído e lido pelo seu público-alvo.

Como distribuir meu livro?

Em se tratando de uma autopublicação, é muito importante pensar em como o livro será distribuído. Procure parceria com livrarias e distribuidoras de sua região, converse, entre em contato, combine a divisão de valores, o dia do acerto, as formas de pagamento, etc.

Outra forma eficiente para você divulgar seu livro é através de seus próprios contatos: seus colegas de trabalho, amigos, familiares, etc. As parcerias são necessárias: entre em contato com empresas de seu segmento, apresente seu projeto, planeje formas de trocar experiências.

Além disso, você também pode pensar em palestras, workshops e cursos em que o material usado e abordado seja o seu livro. Dessa forma, você divulga seu projeto e também exerce outras práticas profissionais que certamente enriquecerão seu currículo e seu portfólio.

Ademais, vale ressaltar o potencial das redes sociais: use seus perfis e páginas para divulgar e impulsionar a ideia de seu livro. Use a linguagem ideal, procure um designer profissional para produzir as peças para publicação, elabore textos curtos objetivos para serem publicados junto às imagens.

Pense em uma estratégia eficiente, baseada no estudo de seu público-alvo. Entenda a forma a qual seus leitores interagem nas redes sociais e aprenda a se comunicar com eles. Mas não se esqueça de manter a cordialidade, o trato profissional e o bom-senso, evitando publicações, comentários e atitudes desentoantes ao seu caráter e perfil profissional.


Gostou das dicas? Então compartilhe com seus amigos e colegas de trabalho! Veja outros posts que podem ser relevantes para você:

5 Respostas

  1. Alan Rodrigues

    Estou escrevendo um livro para adolescentes com base cristã e gostaria mto de ter suas orientações. Como posso fazer pra te-las? É possível? Obrigado.

  2. Dani Ferreira
    Dani Ferreira

    Boa tarde, Alan! Respondi sua questão por e-mail. Fico no aguardo de seu retorno. Obrigada pelo comentário. Abraço!

  3. Edson Sousa Santos

    Oi Dani Ferreira!
    Sou autor jovem, estando com várias obras infantis para publicação. Achei muito útil as suas dicas. Gostaria manter contato email.
    Cordial Abs.

  4. joselio carneiro

    Parabéns e obrigado pelas dicas.

  5. Dani Ferreira
    Dani Ferreira

    Que bom que gostou, Joselio! Obrigada pelo comentário. Abraço!

Deixe uma resposta